sem asas


Como um pássaro voando por ai sem rumo sem hora pra volta, a quem eu quero enganar, não há ninguém a me esperar, eu poderia voar voar e voar ate cansar, ate me esquecer o caminho.

E se eu pudesse esquecer o caminho quem sabe não me esqueceria de você, poderia continuar ate não me recordar de nada, ate meu coração congelar e todos os momentos não passarem de um inverno rigoroso.

Esta quase na hora de migrar e isso é um motivo a mais para eu começar a voar, não posso deixar que minhas asas congelem com minha alma, não posso deixar de viver só porque você decidiu partir.
Sei que será duro prosseguir sem sua companhia mas tem que ser assim, você decidiu assim e a mim cabe aceitar os fatos por mais que eles me matem aos poucos.
Gabriely Simas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...